quinta-feira, 17 de setembro de 2020

TCE mantém irregularidade das contas de 2015 da Câmara de Mato Grosso


POR: Genésio Oliveira EM 17 de setembro de 2020 - Categoria: Mato Grosso

Reunida em sessão por vídeoconferência, a 2ª Câmara do Tribunal de Contas da Paraíba analisou, na terça-feira (15), apreciação de recursos de reconsideração, foram mantidos os termos de acórdãos de julgamento, pela irregularidade, das contas da Câmara de Mato Grosso (2015). A 2ª Câmara decidiu, no primeiro caso, por desconstituir imputação de débito, no valor de R$ 141 mil, aplicada à época a Maria de Fátima Lima, então gestora da Câmara Municipal de Mato Grosso naquele exercício.

Presidida pelo conselheiro André Carlo Torres Pontes, contou também com as presenças do conselheiro Antônio Gomes Vieira Filho e dos conselheiros em exercício Antônio Cláudio Silva Santos e Oscar Mamede Santiago Melo. Além do procurador Marcílio Toscano Franca Filho, atuando pelo Ministério Público de Contas.

Fonte: ASCOM/TCE



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *